Assistência social

De forma genérica, pode-se identificar quatro públicos a serem atendidos: as famílias em situação de vulnerabilidade, as pessoas em situação de rua, os doadores e, por fim, os próprios voluntários.

Considerando apenas os dois primeiros públicos citados, busca-se o devido atendimento por ações de proteção sociorreligiosa e por ações socioassistenciais. Sendo assim, sem perder de vista a necessidade de integração com os demais departamentos do CEAHA, com os outros Centros Espíritas e com a rede social local; entende-se que as atividades desejáveis vão muito além da necessária distribuição de alimentos e vestuários, entre muitos outros itens.

Atendimento assistencial às terças-feiras:

  • Entrevista Social: às 17:30h. A referida atividade está sendo realizada às terças-feiras (exceto feriados e “dias de capacitação”). É aberto o portão principal e são atendidas duas famílias (havendo interessadas).
  • Atendimento de PSR (População em situação de rua) e FSV (Família em situação de vulnerabilidade). O atedimento começa às 14:00 com a população em situação de rua (PSR) e às 16:00 com as famílias em situação de vulnerabilidade (FSV). O encerramento se dará até às 18:00.

Os voluntários da Assistência Social Espírita fazem encontros periódicos com finalidades distintas, encaminhamentos para entes da rede, estudo da realidade dos envolvidos (aquela que nos é permitido por força de lei ou por ordem ética/moral), sugestões embasadas em conhecimento técnico (mesmo que de nível básico), repasses de doações para outros grupos com atividade e proposta similar, entre outros são algumas dessas tentativas.

Quer colaborar com a Assistência Social do CEAHA, para ajudar famílias em situação de vulnerabilidade social? Saiba mais acessando este link.